Thaís pede liberação para votação de projeto que proíbe fogos de artifício que produzam ruído

por Marcos Vieira publicado 03/12/2019 15h10, última modificação 03/12/2019 15h10
Thaís pede liberação para votação de projeto que proíbe fogos de artifício que produzam ruído

Vereadora Thaís Souza, do PSL (Foto: Ismael Vieira)

A vereadora Thaís Souza (PSL) fez um apelo na tribuna, na sessão desta terça-feira (3.dez), para que projeto de lei de sua autoria, que proíbe em Anápolis fogos de artifício ou artefatos pirotécnicos que produzam efeito sonoro ruidoso, tenha sua tramitação concluída nas comissões, chegando enfim ao plenário.

Segundo ela, as pessoas lhe cobram em relação à propositura, portanto é preciso que o Legislativo dê uma resposta, seja positiva ou negativa. “É um texto que está há mais de um ano em tramitação. Quem não concorde que vote contrário, mas faço um apelo, porque temos várias pessoas aguardando”, frisou.

Thaís frisou que a proibição dos artefatos que produzem estampido não acaba com os festejos, mas garante o bem-estar para idosos, crianças e animais. Ela informou que estudos mostram que fogos de artifício barulhentos causam incomodo aos autistas.

Na proposta da vereadora, excetuam-se dessa proibição os fogos de vista, que são aqueles que “produzem efeitos visuais sem estampido, assim como os similares que acarretam barulho de baixa intensidade”.

Rinha
Thaís Souza também falou de operação policial realizada na semana passada, em que ela esteve presente, onde foram encontrados dezenas de cães vítimas de maus tratos em uma chácara no Recanto do Sol. A suspeita é que os animais eram usados para rinha.

“Como militante da causa animal há mais de 20 anos, nunca vi situação tão deplorável. Eram 30 cães amarrados com correntes, machucados, com fome”, comentou Thaís. Ela agradeceu o trabalho da Força Tática municipal, Batalhão Ambiental da PM e Centro de Controle de Zoonoses e Bem-Estar Animal.

A vereadora informou que atualmente 22 cães estão internados em clínicas veterinárias da cidade. ainda falando sobre o cenário na chácara, Thaís repetiu o que ouviu de um delegado: “o ser humano perdeu o senso e a sociedade não aceita mais esse tipo de tratamento com animais”.

Medalha
Thaís parabenizou o presidente Leandro Ribeiro (PTB) pela homenagem recebida na Assembleia Legislativa, através da Medalha do Mérito Legislativo Pedro Ludovico.

Ela informou que também foi agraciada com a honraria, entregue através de propositura do deputado estadual Paulo Trabalho (PSL). “Fica aqui meu reconhecimento por esse gesto importante”, ressaltou.