Lélio e João da Luz falam sobre projeto de regularização do Residencial do Trabalhador

por Marcos Vieira publicado 13/03/2017 11h53, última modificação 13/03/2017 11h53
Lélio e João da Luz falam sobre projeto de regularização do Residencial do Trabalhador

Lélio e João da Luz falam sobre projeto de regularização do Residencial do Trabalhador

Os vereadores Lélio Alvarenga (PSC) e João da Luz (PHS) falaram na tribuna, na sessão desta segunda-feira (13.mar), sobre Projeto de Lei Completar do Poder Executivo, que deu entrada na Câmara Municipal, que autoriza regulamentação de 90 moradias do Residencial do Trabalhador, construídas com recuo frontal fora do padrão. O conjunto habitacional conta com recursos do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’.

“Vamos aprovar algo que era ilegal aos olhos de hoje, mas se trata de uma questão social. Pretendo protocolar emenda para que fatos como esse não voltem a acontecer, pois estamos abrindo precedente. Essa licença deveria ser feita antes da construção. Existem profissionais na prefeitura que poderiam avaliar o caso”, comentou Lélio.

O vereador do PSC ressaltou a importância de se aprovar a lei para que aqueles que mais necessitam não sejam penalizados. Segundo Lélio, o Residencial do Trabalhador foi construído por uma ONG.

João da Luz agradeceu o prefeito Roberto Naves (PTB), que o recebeu, juntamente com proprietários de imóveis do Residencial do Trabalhador, para conhecer o problema. O vereador também falou em “transformação de Anápolis” com a política habitacional implantada nos últimos oito anos. “Isso me alegrou muito. Pagar aluguel é um dinheiro que não volta mais”.

João afirmou ainda que o prefeito atual, Roberto Naves (PTB), continuará construindo casas, prosseguir com uma política habitacional importante para a cidade, eliminando o déficit no setor.