Landim denuncia Saneago por cobrar de moradores que façam ligação em rede de esgoto incompleta

por Marcos Vieira publicado 09/09/2019 15h49, última modificação 09/09/2019 15h49
Landim denuncia Saneago por cobrar de moradores que façam ligação em rede de esgoto incompleta

Vereador Alfredo Landim (Foto: Ismael Vieira)

O vereador Alfredo Landim (PT) disse na tribuna, nesta segunda-feira (9.set), que a Saneago está cobrando dos moradores do Vivian Parque, Residencial Reny Curi e Jibran El Hadj a ligação da tubulação de suas casas na rede de esgoto da empresa, mesmo o sistema estando incompleto.

Segundo ele, o esgoto está pronto nas ruas, porém ainda não foi ligado à rede geral. Com isso, o entendimento dos moradores é que a conexão das suas casas ao sistema vai fazer com que os dejetos fiquem represados no próprio imóvel.

Landim leu comunicado enviado pela Saneago a um dos moradores da região, Francisco Antônio da Silva, determinando que seja feita a ligação na rede de esgoto em 90 dias, inclusive com início da cobrança da taxa.

“Ou seja, eles querem que os moradores liguem o esgoto no sistema, que por sua vez não está inteiramente concluído”, frisou o vereador. Ele ressaltou que a Saneago deveria olhar cada rua de forma particular, antes de dar prazo para que o morador faça a obra em sua casa.

Alfredo Landim comentou que nos três bairros citados por ele, mais o Residencial Copacabana, a água está saindo escura da torneira, “na cor da Coca-Cola”. “E a Saneago não toma providência quanto a isso”, completou.

O vereador observou que a água fornecida nesses bairros não é potável, mas passa pelo hidrômetro, ou seja, o morador terá que pagá-la, mesmo não tendo condições de usar. “Que olhem o problema e consertem o que está errado”, concluiu.